Arquivo do mês: outubro 2009

Chá de Boldo para escutar

Por Roni Fagundes

Quem gosta de música alternativa vai adorar tomar… ou melhor, ouvir Chá de Boldo.

Trupe Chá de Boldo

A banda é de São Paulo, tem 13 integrantes.

A música tem influência de vários estilos, desde o samba até o rock. Dessa forma, dificilmente deixa de agradar qualquer pessoa que o escute.

O som Bárbaro dos garotos merece muita atenção. Vale muito a pena conferir a banda ao vivo.

O próximo show dos músicos será no dia 06 de novembro, na Av. Gen. Francisco Glicério n° 206, em Santos, São Paulo.

Boldo

A Trupe Chá de Boldo pode ser contatada por  meio do site ou do Twitter.

Boa degustação! Bom divertimento!

Anúncios

Culinária turca:variedade de pratos

Por Bruna Innamorato

turca

Cardápio turco: Um pouco de carne e muita verdura

      Os turcos são conhecidos por serem muito religiosos e portanto,não há carne de porco nos restaurantes da Turquia. Em todas as refeições, o pão turco está presente seja no café da manhã, almoço ou jantar. O iogurte também é muito consumido por eles, sendo colocado sobre certas comidas.
      Os doces de lá são muito famosos, inclusive alguns são consumidos aqui no Brasil como o arroz doce,pudim e mousse de chocolate. O baklava é um folheado de nozes mas pode ser feito com avelã, pistache ou outros grãos. Frutas também são muito bem vindas.No verão, come-se cerejas, pessegos, uvas, melancia e melão e no inverno, laranja, maçãs e peras.
      O chá tradicional preto turco é consumido o dia inteiro por eles em pequenos copos de vidro e pode ser considerada a bebida não alcoólica mais tradicional da Turquia,seguida do café turco. Eles bebem cerveja, mas a bebida mais famosa de lá é o Raki,feito de anis. Ele é servido em dois copos de vidro: um com água e gelo até a boca e o outro, com Raki até a metade. Para beber, é só ir misturando a água e o Raki, que é transparente mas torna-se branco com a mistura. É importante avisar que possui um alto teor alcoólico.
      Para os interessados em comer pratos diferentes como os da Turquia, o restaurante da tradiconal rede turca Kosebasi,que significa casa na esquina, é uma ótima pedida. É considerado um dos melhores 50 restaurantes do mundo e um dos melhores do Brasil. Fica na Avenida das Nações Unidas,12 901 (no shopping D&D). O preço é acessível apesar de serem frequentadores de lá, celebridades como Jack Nicholson, Sting e  Donna Karan. Foi inaugurado em São Paulo em 2007 e tem se expandido por todo o mundo.

Aonde Ferrari não tem vez

Por Yohan Souza

Histórico:

Stock Car é uma categoria automobilística criada em 22 de abril de 1979 com o intuito de unir sofisticação e desempenho, para os padrões da época.

A categoria desenvolveu-se e tornou-se ainda mais disputada. Para demonstrar tal evolução podemos citar um dado básico: a primeira prova da categoria, disputada no Autódromo de Tarumã, no Rio Grande do Sul, foi disputada por 19 Opala com motores de seis cilindros. Hoje em dia as provas são disputadas entre carros usando a carenagem de Astra Sedan com motores V8 de 450 HP.

No início das provas foi criado um regulamento que limitava os gastos nos carros para que as corridas fossem mais disputadas do que nas categorias internacionais. De 1979 até os dias de hoje a Stock Car é diputada nos autódromos brasileiros, sendo que somente em 1982 houveram duas corridas no autódromo de Estoril, em Portugal.

Campeonato:

Durante a temporada são disputadas oito corridas antes da Super Final. A Super Final é disputada entre os dez pilotos com melhor pontuação após as oito primeiras corridas. Após as primeiras corridas a pontuação dos melhores colocados são modificadas porém sem modificar o número de vitórias obtidas até então.

Cada corrida antes da Super Final é disputada entre 32 carros, sendo que já nos treinos classificatórios os três melhores qualificados ganham pontos, o primeiro soma três pontos, o segundo dois e o terceiro apenas um. Junto com a bandeira quadriculada os 15 primeiros pilotos da prova ganham pontos para sua classificação geral no campeonato.

A primeira corrida da Super Final aconteceu nesse domingo, 25, as 11. Agora só faltam três para sabermos quem será o grande campeão da temporada 2009.

Zona Sul poderá ter escola técnica federal

Por Roberta Maria

Cefet-SP

Cefet-SP

O deputado Jilmar Tatto do PT-SP entrou com um requerimento no último dia 20 para a construção da Escola Técnica Federal da Zona Sul da cidade de São Paulo. Com isso Tatto levantou a questão sobre necessidade de educação profissionalizante. Atualmente existe apenas uma escola técnica federal em São Paulo, a CEFET-SP, cujo os cursos variam numa média de 2 a 18 candidatos por vaga.

A distância que os alunos percorrem todos os dias de suas casas até a escola representa outro ponto crucial. “Eu deixei a CEFET por causa do tempo que levava para chegar até lá. Eu moro na zona leste e tinha que acordar às cinco da manhã e pegar dois ônibus para chegar até lá. Eu ficava muito cansada e sempre chegava atrasada. Decidi sair para não repetir o ano”, disse Talita Escudeiro de 18 anos.  Se for construída, a Escola Técnica Federal da Zona Sul ficará no extremo oposto à CEFET, que se situa zona norte de São Paulo.

Este ano o ensino técnico completou cem anos. As primeiras escolas técnicas construídas em 1909 não eram modernas como são as de hoje, mas deram base para um sistema de ensino que comprovou ser muito funcional.

Desde o início do século XX até o ano 2002, foram construídas em todo o Brasil 140 escolas técnicas. No período de oito anos compreendido entre 2003 e 2010 o Governo planeja entregar cerca de 200 unidades. O requerimento passará pelo Ministério da Educação e está sujeito à aprovação.  Para vê-lo na íntegra acesse: http://www.camara.gov.br/sileg/integras/704581.doc

MULHERES NA ARTE

Por Janaina Wagner

 

Cinco séculos de arte, cinquenta e quatro gênios, e uma única musa em comum: A mulher.

O artísta gráfico americano Philip Scott Johnson apresenta em vídeo quinhentos anos de evolução da arte ocidental através de rostos femininos.

Os artistas? Grandes nomes como Leonardo Da Vinci, Raphael, Botticelli, Renoir, Matisse, Klimt, Magritte, Salvador Dali e Pablo Picasso ajudam a constitur toda essa memória.

 

 

 

Para conferir mais do trabalho de Johnson confira sua página no You Tube aqui.

Aula-show de MPB

Por Roni Fagundes

Andar de avião pra cima (Europa) e pra baixo (América do Sul) com a comitiva do presidente do Brasil não é tudo que o (ex) ministro da cultura faz.

Gil

Aproveitando os dias de “folga” o ilustre e renomado Gilberto Gil aproveita pra fazer o que mais sabe: música.

Na próxima segunda-feira (26), o mestre vai dar uma aula-show de MPB. Será auxiliado pelo pianista Cidinho Teixeira. A imperdível aula será transmitida ao vivo pela rádio Eldorado (no Twitter também: aqui) na internet.

Se você ama MPB e prefere  ver o Gilberto Gil com um violão a vê-lo como ministro, não pode perder.

Então, segunda, às 21 horas, clique no link acima e curta!

O homem de 1 metro e 70

Certa vez o homem de 1 metro e 70 foi ao médico para saber se havia alguma coisa de errada com sua altura, este o assegurou:

–         Meu caro, o mundo foi feito para o homem de 1 metro e 70. Fique tranquilo, sua estatura é digna de passar por todas as portas. Você não é suficientemente alto para dar com a cabeça no batente nem extremamente baixo a ponto de não alcançar a maçaneta. Vá sossegado.

Por aí foi o homem de 1 metro e 70, convicto de que a existência o prometia uma trajetória de sucesso. E realmente o percurso não o ofereceu nenhum susto. Passou por tantas portas quanto era possível. Nenhuma passagem lhe parecia intransponível, bastava apenas utilizar-se do método adequado: um passo após o outro.

Um belo dia, no entanto, o homem de 1 metro e 70 passou por uma noite difícil. Sofria de sérios problemas digestivos. Tentou deitar-se mas caiu, a cama parecia ter encolhido. Ficou furioso.

Após uma noite em claro retornou ao médico que havia consultado outrora:

–         Doutor, o senhor me prometeu uma vida plena mas tudo o que sinto é cansaço. Por que minha cama não me quer?

–         É evidente, você passou por tantas portas que isso constitui a essência de sua vida, quando tentou se deitar não encontrou sentido em descansar. Sua cama não encolheu, você é que nunca se deitou nela. Para uma vida que consiste em “progredir”, de porta até porta, o descanso não possui significado. Você esta morto.

 

por  Luís Camargo